Vinho
Indicar para um amigo

Fabivs Sant´Antimo DOC (Ciacci Piccolomini d´Arangona)

País: Itália (Toscana – Montalcino)
Safra: 2005
Tipo: Tinto (100% Syrah)
Álcool: 14,50%
Temperatura de consumo: 18ºC
Preço: R$ 174,00

 
ApresentaçãoAnálise TécnicaNossa AnáliseHarmonizaçãoOnde encontrar
Apresentação
O Fabivs é um vinho 100% Syrah elaborado dentro de uma região italiana na qual a cepa prevalecente é a Sangiovese Grosso, ou Brunello, como é conhecida em Montalcino, na Toscana, e que ostenta como tinto símbolo o renomado Brunello di Montalcino.
 
Por isso, o Fabivs pode ser considerado uma exceção à regra, por ser um vinho de cepa não-autóctone, cujas mudas de origem francesa estão plantadas na videira Del Conte, local dentro da Denominação de Origem Controlada (DOC) de Montalcino, onde, segundo a direção da Tenuta Ciacci Piccolomini, o terroir e o microclima são os mais adequados para o cultivo de Syrah.
 
Seu nome é uma homenagem ao bispo de Montalcino Fabivs Vecchis, que em 1672 deu início à construção do palácio que hoje abriga a bela cantina da vinícola.
 
No local, o Fabivs estagia por 15 meses em barricas de carvalho francês (do tipo Allier) e americano, após o processo de fermentação que ocorre com temperaturas controladas.
 
Trata-se de um vinho gastronômico indicado para acompanhar pratos estruturados que contenham carne vermelha grelhada ou assada, além de escoltar queijos maturados. O Fabivs ainda, por recomendação da própria vinícola, produz uma harmonização interessante com sobremesas feitas a base de chocolate amargo.
 
Deve ser servido a 18ºC e é recomendável abrir a garrafa uma hora antes do consumo, para que inicie o processo de oxigenação e “abra” seus odores e sabores. Também por essa razão, sugere-se ser bebido em taças no formato ballon.
Análise Técnica

O Fabivs Sant´Antimo DOC é indicado para acompanhar pratos bem elaborados, de alta gastronomia, que contenham carnes vermelhas e ainda possui uma particularidade interessante: oferece harmonização com sobremesas feitas à base de chocolate amargo.

A recomendação para a harmonização com chocolate amargo é da Ciacci Piccolomini, mas foi ratificada pela consultora da importadora Ars Vivendi, Sonia Denicol. “Fizemos a experiência de degustá-lo ao lado do chocolate amargo e o resultado foi muito prazeroso”, afirma, sobre a versatilidade do vinho.

O Fabivs, segundo Sônia, deve ser aberto preferencialmente uma hora antes do consumo e degustado em taças de formato ballon, a 18ºC. Dessa maneira, este tinto toscano 100% Syrah oferecerá o melhor de seus aromas e sabores, após contato com o oxigênio.

"Ele possui uma cor vermelha rubi intensa, mas com leve transparência que o difere dos australianos da mesma cepa, que normalmente são mais escuros por conta da demasiada extração da uva”, compara a especialista.

No entanto, segundo ela, em termos de aroma e sabor o Fabivs mantém aromas e sabores típicos de Syrah. “Percebo notas marcantes de frutas vermelhas, amora, ameixa e cereja, toques de especiarias e de pimenta. Uma complexidade fabulosa.”

Na boca, Sônia destacou o “encorpado” do vinho, o grande equilíbrio, a boa acidez e a boa persistência do exemplar. “Certamente é um vinho diferenciado, de ótima qualidade que deve ser degustado em grandes ocasiões”, finaliza.

Nossa Análise

Além de ser um Syrah (cepa de origem francesa) produzido na Denominação de Origem Controlada (DOC) italiana de Montalcino, na Toscana, berço dos renomados Brunellos di Montalcino, o Fabivs possui outra peculiaridade interessante: a de acompanhar sobremesas a base de chocolate amargo.

Trata-se de um tinto seco, que normalmente produz boas harmonizações apenas com pratos salgados, porém indicado pela própria vinícola para ser combinado com um bolo de chocolate, por exemplo.

Além da harmonização com chocolate amargo, o Fabivs é indicado para refeições especiais com pratos que contenham carnes grelhadas ou assadas. Ele é um belo acompanhamento também com queijos maduros. Pode ser o vinho do prato principal e da sobremesa. Deve estar em 18ºC, servido de preferência em taças de formato ballon e aberto uma hora antes do serviço.

Possui uma coloração vermelho rubi intensa, bela, e muita alternância de aromas e sabores, ou seja, complexidade. Isso tudo se traduz na qualidade do vinho. Exala perfumes de frutas vermelhas, amora e cereja, principalmente, e também um toque de especiarias muito gostoso. Após algum descanso na taça outros aromas surgem, demonstrando a boa evolução do vinho.

Seus sabores correspondem aos mesmos aromas e se integram com a boa acidez (sensação refrescante que provoca salivação) e com a presença dos taninos (substância que comprime lábios e gengivas) não agressivos. É ainda um vinho persistente (sabores permanecem por mais de oito segundos depois do gole) e encorpado.

Harmonização

Carnes vermelhas grelhadas e assadas
Queijos maduros
Chocolate amargo

Onde Encontrar

Ars Vivendi

(11) 3061-2307 (São Paulo)
www.arsvivendi.com.br

Copyright® 2019 MundoVinho®. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução
de qualquer texto sem prévia autorização por escrito de MundoVinho®.
Desenvolvimento MadeinWeb Internet Solutions