Vinho
Indicar para um amigo

Cuvée Melodie (Chateau Joliet)

País: França (Sudoeste – Fronton)
Safra: 2006
Tipo: Tinto (55% Negrette, 25% Cabernet Franc, 15% Syrah e 5% Gamay)
Álcool: 12,50%
Temperatura de consumo: 16ºC a 18ºC
Preço: R$ 49,00

 
ApresentaçãoAnálise TécnicaNossa AnáliseHarmonizaçãoOnde encontrar
Apresentação

No sudoeste da França está localizada a AOC (Appellation d´Origine Contrôlée) Fronton, onde a cepa mais característica é a Negrette, dominante na maioria dos cortes dos vinhos tintos locais, que também levam Cabernet Franc e Sauvignon, além da Fer Servadou. As três últimas são geralmente adicionadas para dar maior longevidade ao vinho.

No caso deste Cuvée Melodie 2006, além da Negrette e da Cabernet Franc, o Chateau Joliet adicionou no assemblage, em menores proporções, vinhos das uvas Syrah e Gamay,15% e 5%, respectivamente.

Durante o processo de produção, cada uma das cepas é vinificada separadamente e depois unidas, dando origem ao Melodie. Há passagem por cubas de aço inox e depois estágio em barricas ou tonéis de carvalho francês antes do blend, engarrafamento e disponibilização ao mercado.

Ao Brasil, importados pela La Cave Jado, de São Paulo, desembarcaram de um contêiner climatizado cerca de 300 garrafas do tinto seco Cuvée Melodie 2006, pertencente a uma das principais linhas de vinhos do Chateau Joliet.

Trata-se de um tinto seco com boa relação entre qualidade e preço, se tratando de um exemplar francês no mercado brasileiro, que vai muito bem sem acompanhamentos ou com petiscos, porém cumpre também um bom papel escoltando refeições contendo carnes vermelhas grelhadas, por exemplo.

Segundo a produtora, o Cuvée Melodie 2006 manterá seu auge até o fim de 2011 e deve ter sua rolha sacada até, no máximo, 2012, sendo servido entre 16°C e 18°C. MundoVinho experimentou o rótulo em fevereiro de 2010.

Análise Técnica

Para Dorothee Souchaud, uma das sócias da importadora La Cave Jado, o Melodie é um vinho que acompanha muito bem pratos contendo molhos agridoces, ou com erva doce, ao lado de carnes vermelhas grelhadas e de porco, dentre outras opções. “Para mim, o Melodie é um vinho muito fácil de ser bebido e também pode acompanhar petiscos contendo presunto parma, por exemplo”, sugere, evidenciando certa versatilidade do vinho, que pode ser servido em refeições ou em ocasiões informais.

Na sua avaliação visual, o exemplar 2006 apresentou cor vermelha rubi bem intensa, com reflexos violáceos que denotam certa jovialidade. No nariz, ela encontrou intensidade de aromas frutados, com bouquet de frutas maduras como cereja, cassis e ameixa, além de um toque de alcaçuz no final.

Na boca, o Melodie se mostrou um tinto seco redondo, flexível e aromático, segundo Dorothee, com taninos presentes, mas suaves. Ela ainda mencionou que o final de boca é típico da AOC Fronton e da uva Negrette, com a presença de violeta e alcaçuz.

Conforme o produtor, o Melodie está pronto para o consumo, porém até 2011 este tinto francês se encontra no auge. Deve ser degustado até 2012, entre 16°C e 18°C.

Nossa Análise

O Cuvée Mélodie 2006 do Chateau Joliet é mais uma opção de vinho tinto francês importado pela Cave Jado com uma interessante relação de qualidade e preço para os padrões de mercado brasileiro. A muito boa complexidade aromática se destacou na avaliação da equipe MundoVinho, que experimentou o rótulo tinto em degustação na própria importadora, em São Paulo, em fevereiro de 2010.

No primeiro contato com o vinho já na taça, os aromas de café, caramelo apareceram e logo em seguida deram lugar aos perfumes de frutas negras e maduras, além de um toque de torrefação, formando um conjunto muito agradável e fino que justifica a menção à complexidade.

Essa ordem de aromas pode mudar e ainda outros cheiros tendem a surgir, dependendo do tempo da bebida em contato com o ar e sua temperatura, mais um fator positivo no que diz respeito à qualidade deste tinto seco francês.

Na boca, o Melodie se mostrou um vinho muito agradável, fácil de beber, com taninos (substância adstringente que amarra lábios e gengivas) leves, acidez (sensação refrescante que provoca salivação) na medida certa e o álcool quase não notado, nos seus 12,5%.

Trata-se de um tinto seco de corpo leve para médio, cuja persistência depois do gole também pode ser considerada média. Com coloração vermelho rubi escuro e nuances violáceas, o Melodie vai muito bem sozinho, para regar um bate papo, ou mesmo bebericado com petiscos. Também pode ser servido como acompanhamento de queijos e de refeições que contenham principalmente carnes vermelhas grelhadas. Deve ser servido entre 16°C e 18°C.

Harmonização

Carnes vermelhas grelhadas
Costela de porco com molho barbecue
Queijos

Onde Encontrar

La Cave Jado
(11) 2478-2001 (São Paulo)
www.cavejado.com.br

Copyright® 2019 MundoVinho®. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução
de qualquer texto sem prévia autorização por escrito de MundoVinho®.
Desenvolvimento MadeinWeb Internet Solutions