Vinho
Indicar para um amigo

Alto Vuelo Sauvignon Blanc 2005 (William Cole Vineyards)

País: Chile (Vale de Casablanca)
Safra: 2005
Tipo: Branco (100% Sauvignon Blanc)
Álcool: 12,50%
Temperatura de consumo: 6ºC a 8ºC
Preço: R$ 49,00

 
ApresentaçãoAnálise TécnicaNossa AnáliseHarmonizaçãoOnde encontrar
Apresentação

A vinícola William Cole ganhou destaque produzindo tipicamente jovens e frutados na Califórnia. Para expandir suas fronteiras, passou a elaborar exemplares também no Chile, mais precisamente no Vale de Casablanca, de onde vem este Alto Vuelo Sauvignon Blanc, safra 2005.

No território chileno, estabeleceu um padrão de produção idêntico ao dos Estados Unidos, priorizando o uso de tecnologia de ponta, com adoção de adegas com temperatura controlada e capacidade para 3,5 mil barris e engarrafamento de até 2,5 mil unidades por dia.

São 26 hectares dedicados ao cultivo de Sauvignon Blanc, com 4 mil plantas distribuídas, de uma área total de 130 hectares, onde também são produzidas as uvas Chardonnay, Carmenère, Merlot e Pinot Noir. O clima mediterrâneo combinado com brisas marinhas advindas do Oceano Pacífico favorecem o amadurecimento correto das uvas e mantém o frescor do vinho e há controle tecnológico quando há risco de geadas, por intervenção de uma técnica chamada de micro-aspiração.

Um exemplar muito jovem este Alto Vuelo Sauvignon Blanc, voltado para o consumo imediato e que apresenta uma excelente relação entre qualidade e preço. A temperatura de serviço é de 6ºC a 8ºC e acompanha bem como um vinho de entrada para um jantar, servido com salada verde ou frutos do mar.

Análise Técnica

O equilíbrio entre aroma e paladar, com notas de maracujá e frutas tropicais, merece a atenção do sommelier Joel Peixinho, da Ana Import, ao comentar este Alto Vuelo Sauvignon Blanc 2005. “Muitas vezes, a Sauvignon Blanc encanta pelo nariz, mas pode decepcionar na boca. Não é o caso deste vinho”, afirma o especialista.

Segundo ele, ao privilegiar o uso da tecnologia e manter no Chile o mesmo sistema de produção usado na Califórnia, a vinícola William Cole conseguiu explorar de forma única o Vale de Casablanca. “O resultado é um vinho de juventude marcante, de alta vivacidade, que mantém muito frescor”, avalia.

Outro ponto alto, observa o especialista, está na acidez do vinho, altamente equilibrada e em perfeita harmonia com o álcool, de 12,5%. “O ataque já mostra toda a juventude e a acidez traz uma sensação maravilhosa. Como possui boa concentração, também se revela persistente após o gole”, descreve.

Toda a juventude do Alto Vuelo Sauvignon Blanc 2005 pode ser percebida, de acordo com Peixinho, já no exame visual, de um amarelo brilhante e com leves toques esverdeados, bastante límpido. “Há também alguns traços de frutas cítricas, sentidos no nariz e na boca, que dão um charme a mais para este vinho”, acrescenta.

Nossa Análise

Quando nos habituamos a beber vinhos de determinadas regiões do mundo, sempre encontramos alguns traços comuns, capazes de nos ajudar a conhecer um pouco mais a tipicidade daquela região e criar expectativas sobre o vinho a ser degustado. Com este Alto Vuelo Sauvignon Blanc 2005 a situação é diferente: se degustado às cegas, certamente o bebedor imaginará se tratar de um vinho californiano, embora seja chileno.

Os brancos californianos tendem a se revelar muito frutados e com características joviais, sobretudo porque são produzidos de uma forma quase que uniforme em todas as vinícolas, em barris de inox, explorando as características do terroir local. Por utilizar exatamente as mesmas técnicas norte-americanas no Chile, o “sotaque” dos Estados Unidos marca mais este vinho do que o chileno. No Chile, em especial no Vale de Casablanca, quase sempre os vinhos se revelam mais robustos, encorpados (com maior concentração de extrato).

Este Alto Vuelo Sauvignon Blanc 2005 tende a ser mais leve do que a média dos Sauvignon Blanc. Tem uma coloração muito leve, um amarelo bem claro, com toques esverdeados, bem brilhante.

No nariz, tem as características usuais da cepa, com forte cheiro de maracujá, mas combinado com uma explosão cítrica, lembrando muito a limão siciliano, muito delicado.

Fácil de tomar e muito gostoso, na boca traz uma distinta sensação refrescante, mantendo o sabor depois do gole por um bom tempo, com gostinho de fruta e provocando muita salivação (característica da acidez) e sem nenhum traço de amargor ou docidão.

Um vinho ótimo para dias quentes e ensolarados, perfeito para ser tomado à beira de uma piscina petiscando frutos do mar, como camarão ou lagosta grelhados, ou para regar uma conversa entre amigos.

Harmonização

Mariscos, camarão e lagosta grelhados
Frutos do mar pouco condimentados
Salada verde
Queijos leves e delicados

Onde Encontrar

Ana Import

(11) 5501-1900 (São Paulo) ou (71) 3337-1111 (Salvador)
www.anaimport.com.br

Copyright® 2019 MundoVinho®. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução
de qualquer texto sem prévia autorização por escrito de MundoVinho®.
Desenvolvimento MadeinWeb Internet Solutions